Só mais um site WordPress.com

>Infância dos Veados

>

A infância
Nas profundezas do bosque:

Quando chega Maio ou Junho, a futura mãe afasta-se da manada, composta por uma dezena de fêmeas, para se ocultar entre o espesso matagal e dar á luz o filhote. Este, de pelagem avermelhada com manchas brancas, vai adquirindo segurança graças ás lambidelas quentes da mãe.

Em pé!

Logo depois de nascer, o filhote põe-se de pé sobre as suas trémulas e finas patas, e alguns minutos depois já sabe caminhar. Camuflado pela sua pelagem sarapintada, que se confunde com as sombras e as luzes do bosque, é dificil distinguir o bebé. Durante quinze dias, permanece no seu abrigo a salvo dos predadores. A mãe deixa-o muitas vezes sozinho, mas regressa sempre para amamentá-lo e limpá-lo com lambidelas.

Os seus primeiros saltos:

Algumas semanas após o seu nascimento, a fêmea e o filhote reúnem-se á manada, e os jovens veadinhos descobrem a vida em grupo. Vivem com a mãe e com os irmãos mais velhos, que nasceram no ano anterior. São muito brincalhões, perseguem-se uns aos outros e divertem-se a saltar toda a espécie de obstáculos: troncos caídos, riachos, moitas…

O Veadinho vai crescendo:


Quando o jovem macho faz 6 meses e é desmamado pela mãe, começam a nascer-lhe os pequenos tocos na cabeça que anunciam o aparecimento das hastes. O veadinho torna-se então um “cervato”. Quando completa o primeiro ano , já possui chifres pequenos cobertos por uma fina camada de pele aveludada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s